Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

São Paulo está em estado de alerta


Por marciobasso 24/08/2010 - 11h00

Com o ar extremamente seco, São Paulo foi colocada ontem em estado de alerta pela Defesa Civil e os prontos-socorros da cidade ficaram lotados de crianças com problemas respiratórios. A umidade relativa do ar chegou a 17% na região de Santana (zona norte), segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).
Para ser considerado adequado para a saúde, o ar precisa ter no mínimo 60% de umidade. O índice mostra a quantidade de vapor d’água existente na atmosfera em relação ao máximo que poderia existir naquele momento. 
Quando um local é colocado em estado de alerta, as pessoas precisam tomar cuidados como ingerir bastante água e evitar exercícios físicos ao ar livre das 10h às 16h. O ar seco multiplica os problemas respiratórios e alérgicos, o ressecamento da pele, os sangramentos de nariz e a irritação nos olhos.
A lista de problemas respiratórios inclui rinite, faringite, asma, bronquite e até pneumonia. O ar com pouca umidade provoca o ressecamento do nariz e da garganta, o que diminui a proteção natural do organismo contra vírus, bactérias e agentes de alergia. Em São Paulo, esses problemas são agravados pela poluição. Hoje a umidade ficará em 20%, diz o Inmet.
Fonte: Folha Online