Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

O Pastor Mochileiro

Conheça a história do Pr. Carlos Campitelli, orador da semana especial “A Maior Esperança” na Novo Tempo.


Conheça a história do Pr. Carlos Campitelli, orador da semana especial “A Maior Esperança” na Novo Tempo.
Por Dayane Fagundes

Entrevistar uma pessoa é um ato engraçado. Você se senta diante de alguém, faz perguntas e espera que ela te responda honestamente. Eu, que sempre me encantei por ouvir histórias, vejo nisso a oportunidade de dar voz ao entrevistado, de fazer sua história conhecida e permitir que seja registrada para o futuro. Eis aí uma tarefa que dou muito valor. 

Meu entrevistado de hoje é o pastor Carlos Campitelli, um argentino que sempre me pareceu gentil e dedicado ao trabalho. O conheci quatro anos atrás enquanto cobria um evento de jovens no Paraguai e ele, por ser líder de jovens adventistas para oito países da América do Sul, era uma das minhas fontes principais. A entrevista foi rápida, mas qual não foi minha surpresa quando hoje, ele me reconheceu. E assim, me preparo para ouvir suas histórias.

Ele começa me dizendo que nasceu no Paraná. Levo um susto. Achei que era argentino. E então vem a explicação: Paraná é a capital do estado de Entre Ríos, na Argentina. Foi onde viveu até os 15 anos de idade antes de ir estudar em uma escola em sistema de internato, em Buenos Aires, não muito longe de sua cidade natal. Também estudou na África do Sul por um ano para depois voltar à Argentina e estudar Teologia, Assistência Social e Pedagogia. 

Carlos Campitelli nasceu em uma família adventista, rodeado por missionários e inúmeras histórias de evangelização além-mar que, sem dúvida, o influenciaram na decisão de ser pastor e no desejo de servir a Deus em terras distantes. E a oportunidade chegou antes mesmo de se formar. Campitelli cumpriu as práticas evangelísticas do curso no nordeste do Brasil, especificamente no interior do Maranhão. 

“Eu cheguei lá e não falava praticamente nada de português”, me relata. “Então o responsável virou para mim e disse: ‘a partir de agora as pregações são com você durante todo o mês’. Precisei muito da ajuda de Deus naquele momento”.

Quando terminou a faculdade, apesar de receber outros chamados para a Argentina e para a Itália, foi no Maranhão mesmo que começou seu ministério, mas aí já contava com o apoio da esposa, Lislei Freire. Ela, brasileira e natural de São Paulo, o conheceu na Universidade Adventista del Plata onde estudou psicologia.

“É interessante que no dia do nosso casamento foi a final da Copa América e o Brasil estava jogando contra a Argentina, mas eu não estava preocupado com o jogo e sim com casamento. Era 25 de junho de 2004, e na mesma hora do casamento estava ocorrendo o jogo, mas lá dentro da igreja era Brasil com Argentina, forever and ever (para sempre e sempre, em tradução livre)”. 

Me arrisquei a perguntar quem ganhou o jogo e ele logo disse que foi o Brasil, uma partida que foi definida nos pênaltis. “A noiva estava feliz então eu estava feliz também”, contou sorrindo. 

Semana especial: A Maior Esperança 

Em duas décadas de ministério, Campitelli me conta que o que mais o marcou até hoje foi a necessidade de depender de Deus. “Você não é um ser completo, você precisa de Deus para dar equilíbrio à vida e buscá-Lo é um exercício diário.”

Entre os dias 20 e 26 de setembro ele estará à frente de uma semana especial intitulada “A Maior Esperança: Prepare-se Para Uma Nova Vida”, que será transmitida pela rádio e TV Novo Tempo a partir das 22h, além de transmissões pela internet e um programa de rádio às 11h de segunda a sexta. Em suas pregações, irá enfatizar o tema da dependência de Deus, algo que sempre esteve muito presente em sua vida. 

“Eu sempre fui, e sou ainda, muito aventureiro. Viajei muito como mochileiro quando morei na África, também aqui na América do Sul, e em vários momentos disse a Deus ‘Senhor, Te agradeço porque acredito ter mais de um anjo que cuida de mim’. Porque realmente passei por muitos momentos de perigo, situações complexas, especialmente no meio da África, dois anos depois do fim do Apartheid e foram várias situações de risco. E depender de Deus, deixá-Lo cuidar das mínimas coisas e saber confiar nEle também me ajudou nas decisões futuras, nas decisões que preciso tomar hoje como líder”, conta.

Na semana especial “A Maior Esperança”, o pastor Carlos Campitelli estará acompanhado da apresentadora do programa Vida e Saúde, Teru Gouveia, que a cada noite abordará um dos oito remédios naturais. Os sermões serão transmitidos ao vivo pela TV Novo Tempo a partir das 22h e você também pode acompanhar pelo Facebook da TV ou da Rádio Novo Tempo e pela plataforma NT Play. Já na Rádio Novo Tempo, a programação será às 11h.