Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

Escolas lançam programas nutricionais


Por marciobasso 03/08/2010 - 04h16

De olho na obesidade infantil, escolas lançam programas nutricionais. Bolacha recheada não pode, frituras também não. São as leis do Colégio Pio XII, na zona sul de São Paulo. E na Escola Carlitos, na zona oeste, o intervalo agora se chama ‘Hora da Fruta’.
Essas são algumas das iniciativas que as escolas particulares da cidade têm adotado para tentar reverter um quadro de peso: 33,2% de seus alunos que têm entre 10 e 15 anos estão acima do peso, de acordo com uma pesquisa divulgada ontem pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).
Segundo a nutricionista Martha Fonseca Paschoa Amódio, diretora da empresa Comer e Aprender, especializada em nutrição escolar, em locais onde o cardápio saudável é implementado as taxas de crianças com sobrepeso ou obesidade costumam ser menores. “Geralmente, até 40% dos estudantes estão acima do peso. Nas escolas em que as refeições são reguladas, o índice é de 25%”, avalia a nutricionista.
Fonte: Último Segundo