Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

Dieta saudável seria mais determinante que genética para doenças do coração


Por marciobasso 10/11/2011 - 03h04

Frutas e vegetais podem anular a ação de genes que desenvolvem doenças cardiovasculares, diz pesquisa publicada na revista médica PLoS Medicine. Pesquisadores do Canadá genotiparam cerca de 27 mil pacientes em dois estudos, para averiguar a relação entre dieta, genética e risco de infarto do miocárdio e doenças cardiovasculares.
Os resultados apontam que a chance de infarto ou doença cardiovascular era maior entre pessoas com a presença do cromossomo 9p21 — marcador genético para doenças cardíacas —  e com menos vegetais em sua dieta.
Os dados mostram ainda que a presença do cromossomo tinha “muito pouco efeito” no risco de problemas de coração em pessoas com dieta saudável. Assim, a alimentação teria um papel mais determinante do que a genética no que diz respeito a problemas cardiovasculares.
Para os pesquisadores, são necessários mais estudos para analisar uma amostra maior de pessoas com genética e dieta similares, mas consideram os resultados significativos.
Fonte: Zero Hora