Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

Clínicas de estética do DF não possuem UTI


Por marciobasso 13/07/2010 - 01h28

Nenhuma clínica de cirurgia plástica do Distrito Federal possui leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) conforme pede o Ministério Público.
Nos 17 centros cirúrgicos registrados na capital, os médicos contam apenas com os equipamentos similares aos dos hospitais para garantir a ressucitação dos pacientes durante os procedimentos, como o que vitimou a tesoureira Marinalda Araújo Neves Ribeiro, 46 anos, na última sexta-feira.
No entanto, essa realidade pode mudar em breve. O Conselho Regional de Medicina (CRM) procurou, pela primeira vez, ontem, o promotor de Defesa dos Usuários dos Serviços de Saúde (Pró-Vida) para discutir a obrigatoriedade da implantação de UTIs nas clínicas.
O Conselho Regional de Medicina teve acesso ao protocolo de segurança elaborado, ao longo dos últimos quatro meses, pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, em parceria com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), a Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA), além de médicos e especialistas. O estudo apresenta propostas de melhoria para clínicas e hospitais, inclusive, a exigência de uma unidade de terapia intensiva nos centros onde são realizadas cirurgias plásticas.
Fonte: Correio Web