Rede Novo Tempo de Comunicação

Reavivados por Sua Palavra – Rádio

Salmo 76

Reavivados por Sua Palavra


Por Rádio NT 18/04/2020 - 02h00
00:00
00:00
Volume
Velocidade

Oi, tudo bem? Eu estou aqui com um comentário bíblico teológico do livro dos Salmos, que nos explica que o Salmo 76 é uma ode de ação de graças pelo livramento de Jerusalém de um grande perigo. O salmo foi usado para celebrar a derrota dos exércitos assírios sob o comando de Senaqueribe. O salmista contempla além das cenas de vitória imediata e vê nelas o triunfo da justiça divina, provando a tolice da ira do ser humano e a sabedoria que existe em se submeter a Deus. Sabe amigo ouvinte, que é dito até que esta ode foi usada pelos ingleses depois da derrota da armada espanhola, e também pelos calvinistas escoceses após a derrota de Claverhouse, em 1679, né. Bom, esse tratado teológico aqui, ele divide o salmo 76 assim em quatro estrofes com três versículos cada.

Porque esse poema, ele na realidade era um cântico, escrito por Asafe, ou pelos descendentes da Asafe, para que o mestre de canto executasse com instrumentos de cordas, né, que diz assim: Deus é bem-conhecido em Judá; o seu nome é famoso em Israel. Sua casa está em Jerusalém; ele mora no monte Sião. Ali Deus quebrou todas as armas dos inimigos: Como és glorioso, ó Deus! E como foste grandioso quando voltaste das montanhas onde derrotaste os teus inimigos! Foram levadas todas as coisas que os seus valentes soldados tinham; Lá do céu fizeste conhecida a tua sentença de condenação.

A terra teve medo e ficou quieta quando te levantaste para fazer justiça, para salvar todos os que são explorados neste mundo. Até a ira humana aumenta o louvor que é dado a ti; e aqueles que não morreram nas guerras vão comemorar as tuas festas. Deem ao Senhor, nosso Deus, o que vocês prometeram; que todas as nações vizinhas venham e tragam ofertas para Deus, aquele que deve ser temido! Deus humilha os governantes orgulhosos; ele enche de medo os reis da terra. Porque, como diz o título do salmo, Ele é o Deus vencedor. Apegue-se a Ele, e essa vitória dele será compartilhada com você. Um abraço, Pr. Valdeci Jr.