Rede Novo Tempo de Comunicação

Reavivados por Sua Palavra – Rádio

Levítico 21

Reavivados por Sua Palavra


Por Rádio NT 04/05/2022 - 02h00
00:00
00:00
Volume
Velocidade

Meu querido e grande amigo, que alegria poder falar contigo aqui mais uma vez, pra juntos nós podermos aprender mais das Santas Escrituras do Senhor, e assim podermos ficar mais Reavivados Por sua Palavra, né.  

E olha, hoje, 04/05/22, nós vamos analisar o capítulo 21 de levítico. Esse capítulo traz recomendações para os sacerdotes. Mas, em um sentido mais amplo, elas valem também para o Reino de sacerdotes atual, ou seja, o povo de Deus, que deve representá-lo diante das pessoas. Porque na atual era cristã, sacerdote é cada cristão. 

Jesus, nosso sumo sacerdote, tocou em mortos. Mas Ele, unicamente, era puro e capaz de devolver vida. Os sacerdotes não podiam raspar a cabeça, nem aparar a barba, nem fazer cortes no corpo. Esses eram costumes pagãos. 

Além disso (vs.7), os sacerdotes tinham que se casar com uma virgem. Todas as áreas da vida de cada um deles precisavam revelar a pureza do seu ofício, bem como evitar a prostituição dos filhos, é o que o verso 7 também nos faz pensar. Culto familiar, bom exemplo e cuidado com o que eles leem, assistem, ouvem, etc. De certa forma, quando os pais permitem que filhos se prostituam, estão lhes entregando a morte, como acontecia também naquele tempo. Se a filha de um sacerdote se tornasse prostituta, receberia a pena capital (vs.9). O sacerdote tinha que conduzir bem a família. A maior evidência de consagração de um sacerdote, de um líder espiritual, é a família dele. 

O verso 10 nos ensina que o sumo sacerdote não podia andar descabelado, nem rasgar a roupa em sinal de luto. O seu serviço era com a vida, não com a morte. 

O verso treze traz o conselho de escolher alguém virgem para casar. Os costumes e as funções mudaram, mas o princípio permanece. O ideal é se casar com alguém que já seja convertido. Virgindade tem que ver com pureza. Alguém convertido pode resgatar a pureza em sua mente e coração. Da mesma forma, pode existir pessoas que guardam a virgindade no corpo, mas têm o coração impuro e sem arrependimento.  

Uma lição que podemos tirar nos próximos versos de Levítico 21 é que, assim como as ofertas tinham que ser sem defeito porque representavam a Cristo, os sacerdotes também tinham que ser “perfeitos”. Veja o verso 17. Podemos aprender que a perfeição física poderia representar a perfeição de caráter, pela qual todos deviam lutar. 

Mas o verso 22 estende a misericórdia. Embora os defeituosos não pudessem oficiar no santuário, podiam comer o alimento santíssimo. Isso é aceitação. De certa forma, todos somos defeituosos, mas Deus nos aceita em Cristo. 

O meu desejo, meu querido amigo ouvinte, é que essas lições do capítulo 21 permaneçam conosco também. No reino de Deus, todos nós somos sacerdotes e sacerdotisas. Que possamos entender que a pureza e a consagração também são qualidades que se exigem de um cristão no século 21. Então, por favor, não deixe de ler ainda hoje, Levítico capítulo 21, pra ficar mais Reavivado.