Rede Novo Tempo de Comunicação

Reavivados por Sua Palavra – Rádio

João 17

Reavivados por Sua Palavra


Por Rádio NT 22/07/2021 - 02h30
00:00
00:00
Volume
Velocidade

Comunhão. Jesus orou por si mesmo (Jo 17:1-5). O “Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade e Príncipe da Paz” (Is9:5), tinha plena consciência de que Ele mesmo precisava de oração. Senso da dependência de Deus. Gaste tempo para escancarar a sua real situação para o Senhor. Abra o coração a Deus. Lave sua alma. Esvazie-se. Suplique pelo batismo do Espírito Santo. É hora de parar de brincar de ser cristão e orar de verdade. Relacionamento. Jesus orou pelas pessoas que conviviam com Ele (Jo 17:6-19). Se a oração for preciosa para você, então vai querer orar também pelas pessoas que ama. Chegou a hora de parar de orar apenas por si mesmo.

Depois de ter feito uma longa oração com vários detalhes sobre você, agora faça o mesmo por sua mãe, depois por sua sogra, seu primo etc. Não é orar por uma lista: “Abençoe Fulano, Cicrano e Beltrano”, e pronto. Não! É se importar sobre os detalhes peculiares de cada um. Missão. Jesus orou por todos os que viriam a crer (Jo 17:20-26). Ore pela Igreja, pelos ministérios, pelas missões mundiais. Se você não sabe orar sobre isso, nessa parte da oração clame para Deus lhe ensinar. Quando for à igreja, anote tudo o que você acha que são necessidades e desafios da missão dela. Liste o nome de pessoas as quais você não tem acesso, que ainda não conhecem a Jesus. Escreva um plano pessoal seu, de ação missionária. E ore por tudo isso!

Desde criança ouço falar que Cristo está voltando. E Ele ainda não veio. Entretanto, muito mais preocupado em saber se chegou ou não a hora do planeta, preciso me preocupar com a hora da minha vida. Quando tudo é arrancado de nós e nos sobra somente a respiração, o que realmente importa? Chegou a hora de saber se a volta de Jesus é importante pra você. A intensidade com a qual você ora é proporcional à importância que a volta de Jesus tem pra você. Chegou a hora de você orar como nunca.