Rede Novo Tempo de Comunicação

Reavivados por Sua Palavra – Rádio

Deuteronômio 08

Reavivados por Sua Palavra


Por Rádio NT 23/06/2022 - 02h00
00:00
00:00
Volume
Velocidade

Olá meu querido irmão, tudo bem? Deuteronômio 8 nos ensina quanto à fé, em primeiro lugar, porque nesse capítulo Moisés apela em favor da dependência de Deus.Até ali, a dependência do Senhor havia sido crucial para os israelitas, fosse quanto aos suprimentos de água, aos animais peçonhentos ou ao alimento. Porque, rodeados de fartura e prosperidade, eles seriam tentados a crer que não precisavam mais de Deus, que poderiam adquirir riquezas com sua força… 

Mas daí, Moisés quebra esse raciocínio, provando que a atuação divina havia sido tão fundamental para a sobrevivência no deserto quanto seria na Terra da Promessa.O Senhor lhes dava força para adquirir riquezas. Sem esse senso de dependência, os israelitas finalmente pereceriam. Porque “não só de pão viverá o homem, mas de tudo o que procede da boca do Senhor!” 

No deserto, Deus não Se antecipou à fome e à sede dos israelitas. Permitiu que sofressem por alguns instantes “para saber o que estava no seu coração”. Deus conhece os pensamentos humanos e o futuro. Porém, os testes serviram para que o povo descobrisse essas verdades. Se o teste do deserto fosse uma prova escolar, o verso 3 seria a resposta certa, e foi com essa resposta que Jesus foi aprovado na tentação do deserto. 

Nossa dependência de Deus é absoluta e nos deve conservar bem humildes; Deus quer que removamos toda espécie de egoísmo, e a Ele nos acheguemos, não como donos de nós mesmos, mas como uma possessão adquirida do Senhor. Então, meu querido amigo ouvinte, Deuteronômio 8 é um chamado para que o povo de Israel não esquecesse as muitas bençãos concedidas por Deus. 

E nesse capítulo, aprendemos algumas coisas muito importantes. Por exemplo: os 40 anos no deserto serviram para provar e para humilhar o povo, que era descrente… orgulhoso… As pessoas deveriam aprender que o sustento da vida não consiste meramente em comida e bebida, mas em ouvir e obedecer a palavra de Deus. Foi um tempo que fez parte de um processo discipulador. 

Nesse texto, Deus faz algumas advertências sérias, das quais a gente pode destacar algumas. 1) Não esqueça de obedecer os mandamentos de Deus; 2) Cuidado pra, depois de usufruir as muitas bênçãos de Deus, não se esquecer que é Deus quem dá as bençãos; 3) não pensem que vocês saíram livres do Egito por sua força; não! Foi Deus quem libertou vocês! 4) se vocês vierem a ficar ricos, não pensem e nem digam que enriqueceram graças à sua força; Deus é quem enriquece as pessoas; 5) cuidado: se vocês esquecerem de Deus e forem atrás de deuses falsos, vocês vão perecer! Meu amigo, a gente deve sempre lembrar que Deus é o autor das muitas bênçãos que recebemos constantemente. Para exercitar a memória, que tal escerver num caderno, algumas das muitas dádivas recebidas do Pai celestial? Faça isso! Certamente você vai descobrir e se conscientizar que Deus é muito bom pra você. Que o nosso pai celestial abençoe você e a sua família no dia de hoje. Amém?