Rede Novo Tempo de Comunicação

Lições da Bíblia Rádio

Abordagem humilde

Lições da Bíblia


Por Rádio NT 16/06/2020 - 02h30
00:00
00:00
Volume
Velocidade

3. Leia Tiago 4:6-10; 2 Crônicas 7:14; e Sofonias 3:12. Por que a humildade é importante quando tentamos entender passagens difíceis das Escrituras? _______________________________________________________

Muitas pessoas chegaram à maravilhosa compreensão e humilhante percepção de que são dependentes de algo e de alguém além de si mesmas. Elas percebem que não são o padrão de todas as coisas. Essas pessoas valorizam mais a verdade do que a necessidade do ego de estar certas e estão cientes de que a verdade não é criada por elas mesmas, mas é aquilo que as confronta. Talvez a maior verdade compreendida por essas pessoas seja quanto elas realmente sabem pouco da verdade. Como Paulo descreveu, tais indivíduos sabem que veem “como em espelho, obscuramente” (1Co 13:12).

Os benefícios dessa humildade de pensamento são múltiplos: o hábito da investigação humilde é a base de todo crescimento no conhecimento, pois gera uma liberdade que naturalmente produz um espírito ensinável. Isso não significa que as pessoas humildes frequentemente estejam necessariamente equivocadas, nem que elas sempre mudem de ideia e nunca tenham uma convicção firme. Significa apenas que são submissas à verdade bíblica. Elas estão cientes das limitações de seu conhecimento e, portanto, são capazes de expandi-lo e de aumentar sua compreensão da Palavra de Deus de uma forma que a pessoa intelectual, arrogante e orgulhosa não fará.

“Todos os que forem à Palavra de Deus em busca de orientação, com mente humilde e inquiridora, determinados a conhecer os conceitos da salvação, compreenderão o que dizem as Escrituras. Mas os que trazem para a investigação da Palavra um espírito que ela não aprova, levarão da busca um espírito que ela não transmitiu. O Senhor não falará a uma mente indiferente. Ele não desperdiça Sua instrução com quem é voluntariamente irreverente ou impuro. Mas o tentador educa toda mente que se entrega às suas sugestões e está disposta a tornar sem nenhum efeito a santa Lei de Deus.

“Precisamos humilhar nosso coração e, com sinceridade e reverência, buscar a Palavra da vida; pois apenas a mente humilde e contrita pode ver a luz” (Ellen G. White, The Advent Review and Sabbath Herald, 22 de agosto de 1907).

Como equilibrar corretamente a humildade e a certeza? Por exemplo, como você responderia à acusação: “Como os adventistas do sétimo dia podem ter tanta certeza de que estão certos sobre o sábado e que a maioria das pessoas está errada”?


Compartilhe um livro ou um vídeo missionário com alguém hoje.