Rede Novo Tempo de Comunicação

legenda

Rede Novo Tempo de Comunicação

Alemães usam células-tronco para curar leucemia


Por Gabriela Frontini Ruela 25/11/2010 - 03h31

Médicos alemães afirmam ter curado completamente pela primeira vez leucemia linfoblástica com transplante de células-tronco do próprio cordão umbilical de uma paciente de nove anos de idade.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira pelo banco de cordões umbilicais alemão Vita 34, uma empresa fundada em 1997 por médicos da cidade germânica de Leipzig. Com base nas informações da empresa, a doença foi diagnosticada em uma menina alemã de três anos e, após receber tratamento de quimioterapia, comprovou que sua única possibilidade de sobrevivência era um transplante de células-tronco.
Os pais da pequena no momento de seu nascimento decidiram conservar seu cordão umbilical, do qual extraíram as células-tronco necessárias para o transplante. O diretor médico afirmou que 15 crianças, entre elas seis com danos cerebrais, foram tratadas até agora com células-tronco de seus cordões umbilicais.
(fonte: Folha online)